• en
  • pt-br

Windesheim UAS

0

Windesheim University Of Applied Sciences: Pondo A Pesquisa Em Prática

A Windesheim University of Applied Sciences é uma das principais universidades holandesas de ciências aplicadas, concentrando-se em oferecer experiências na vida real. “Aprender e fazer. Esse é realmente o nosso único argumento de vendas”, explicou o Coordenador Internacional do Departamento de Engenharia da Windesheim, Sr. Paul Touw. Desde projetos para empresas no primeiro ano a estágios de seis meses no terceiro e quarto anos, a cada etapa do programa de estudos os alunos têm a oportunidade de aplicar a teoria aprendida na sala de aula em trabalhos práticos.

A Windesheim oferece programas semestrais e anuais em Engenharia Mecânica, Elétrica e Civil, Arquitetura, Gestão Industrial, Logística, Design de Produtos e Tecnologia da Informação. Os estudantes estrangeiros podem escolher entre um total de 28 programas de intercâmbio, todos ministrados em inglês. A Windesheim oferece esses programas em nove campos de interesse, que incluem Engenharia, Economia, Jornalismo, Educação e Saúde e Bem-Estar.

A Windesheim recebe anualmente estudantes do programa Ciência sem Fronteiras. “No geral, a nossa experiência com os brasileiros tem sido muito boa”, observou o Coordenador Internacional do Departamento de TIC, Sr. Ruben Cijsouw. “Os alunos têm considerado fácil a transição para a vida na segura e charmosa Zwolle, onde quase todos falam  inglês”.

Os estudantes internacionais adoram a proximidade de Zwolle com o aeroporto de Schiphol, o que permite fácil acesso a toda a Europa. Os alunos também se beneficiam das diversas grandes empresas internacionais localizadas nas proximidades, porque isso lhes dá muitas oportunidades para estágios.

A Windesheim desenvolveu uma forte parceria de intercâmbio estudantil com a Universidade Federal de Ouro Preto nos últimos três anos. “Os estudantes de Ouro Preto ficaram muito satisfeitos com a educação prática oferecemos”, afirmou o Sr. Touw. “Ajuda sua compreensão da base teórica que recebem no Brasil. Não só aproveitam a experiência de viver no estrangeiro, mas também da aprendizagem prática e de ver a teoria posta em prática. “Os alunos frequentemente assistem a aulas de segunda a quarta-feira e põem em prática o que aprenderam em estágios, na quinta e na sexta-feira”.

Dado o sucesso que a Windesheim tem tido com o Brasil até ao momento, a University of Applied Sciences está à procura de parceiros de intercâmbio com cursos em inglês e com áreas de estudo similares em cidades brasileiras de pequeno e médio porte.

A Windesheim destaca-se em pesquisa aplicada, especialmente nas áreas de Tecnologia da Informação e Engenharia. “Estamos à procura de parceiros que estejam dispostos a aplicar a pesquisa que desenvolveram no Brasil em empresas nos Países Baixos. Há muitas possibilidades de cooperação”, concluiu o Sr. Cijsouw.


Compartilhe

Comments are closed.